01 | Sobre não estar bem e um céu azul.

Existem dias que as coisas parecem estar cinzentas. Dias em que o coração pede por uma cama, pelo escuro, por silêncio. Mas, irônica como a vida pode ser, são esses mesmos dias que a realidade te obriga a agir, se mexer, fazer coisas, sair por aí. Indiferente à nossa vontade, os segundos continuam a rolar, e se você parar: Você perde.

Talvez nos obrigar à continuar em movimento também é uma maneira da vida cuidar da gente. Já dizia Newton que um corpo em movimento tende a continuar em movimento. Afinal, caso você encontre a cama que tanto deseja, sair dela mais tarde será uma tarefa difícil. A força necessária para isso aumenta, assim como nossa vontade de ir lá fora e ver o céu azul diminui.

Mas é importante olhar para o céu azul. Ele nos faz esquecer algumas das dores que estão alojadas lá dentro, embaixo das cobertas. O céu azul nos traz uma afirmação extremamente necessária nos dias nublados de alma. Ele nos conta que há coisas boas nas quais podemos olhar. Elas estão ali, é só prestar atenção. Ele nos traz uma distração. Nos traz um abraço há muito desejado, nos traz uma conversa frívola. O céu azul também nos traz um amigo.

É dificil entender a importância desse céu azul. É necessário ter a consciencia que ele não vai trazer soluções. Não vai apagar a dor. Não vai melhorar o futuro, o presente e muito menos o passado. Mas ele vai trazer mudanças.

E sem essas mudanças, como poderíamos realmente resolver alguma coisa?

Anúncios

Dê um oi, não precisa ter medo :3

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s